Quarta-feira, 19 de Junho de 2019
NOTICIAS DO BRASIL

O Suspeito de matar ator Rafael Miguel responde por nove crimes

Publicada em 10/06/19 às 16:23h - 33 visualizações

por Portal de Noticias do Blog do Carlindo Medeiros


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Portal de Noticias do Blog do Carlindo Medeiros)














O comerciante Paulo Cupertino Matias, 48 anos, matou o ator e os pais dele no domingo.

A policia de São Paulo ainda procura pelo comerciante, de 48 anos acusado de matar o ator Rafael Henrique Miguel de 22 e seus pais na tarde do ultimo domingo 09/06, no bairro pedreira na zona sul de São Paulo.

O comerciante Paulo Cupertino Matias, 48 anos, suspeito de matar o ator Rafael Henrique Miguel, 22 anos, e os pais dele - Divulgação

Paulo Cupertino Matias cometeu o triplo assassinato quando o ator foi com os pais convencer o acusado a aceitar o namoro entre o ator e a filha do atirador. 

A reportagem apurou que Matias conta com uma extensa ficha criminal. Ele foi indiciado por nove crimes, ocorridos entre 1990 e 1999. 

Entre os casos de que foi acusado estão quatro assaltos, associação criminosa, tentativa de fuga, além de dois furtos. A polícia estendeu as buscas para outras cidades da Grande São Paulo. 

Matias atirou em Miguel, na mãe do jovem, Miriam Selma Miguel, 50, e no pai do ator, João Alcisio Miguel, 52. Eles morreram em frente à casa do atirador, que fugiu em seguida. 

Miguel é conhecido do público por interpretar a personagem “Paçoca”, da novela “Chiquititas”, exibida pelo SBT. Além disso, o jovem também era conhecido como o garotinho que tentava convencer a mãe, em um comercial de TV, a comprar brócolis.

Fonte: agora.folha.uol.com.br



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário






Nosso Whatsapp

 6199952-3515

Visitas: 6712649
Usuários Online: 166
Copyright (c) 2019 - Portal de Noticias do Blog do Carlindo Medeiros