Entre os destaques do dia, estão as vagas para construção civil. Com o reaquecimento do setor, as oportunidades têm aparecido com mais frequência. Nesta quinta, são 182 ofertas | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Oportunidades contemplam áreas da saúde, construção, comércio e serviços

Pelo terceiro dia consecutivo, as agências do trabalhador do Distrito Federal ultrapassam a marca das mil vagas de emprego oferecidas. Nesta quinta-feira (19), são 1.132 oportunidades, com espaços para pessoas de todos os níveis de escolaridade, inclusive a quem não tem, sequer, experiência profissional.

Entre os destaques do dia, estão as vagas para construção civil. Com o reaquecimento do setor, as oportunidades têm aparecido com mais frequência. Nesta quinta, são 182 ofertas, contemplando profissionais como ajudante de pintor, armador de ferros, assentador de canalização, balanceiro de concreto, bombeiro hidráulico, carpinteiro, cortador de telhas, eletricista, encarregado de obras, gesseiro, pedreiro, pintor de edifícios e servente de obras. Os salários vão de R$ 500 semanais a R$ 3 mil mensais, mais benefícios.

Comércio

No comércio, açougueiros e ajudantes estão com 14 oportunidades, com salários entre R$ 1.184 e R$ 1.695. Para todas elas, exige-se nível fundamental de escolaridade. Também há vagas para atendente de padaria (1), auxiliar de estoque (33), gerente comercial (2) e gerente de loja e supermercado (2), com remunerações de R$ 1.090 a R$ 1,5 mil, mais benefícios.

Motoristas e motofretistas desempregados também poderão se recolocar no mercado de trabalho. São 40 vagas, sendo dez para motofretistas que não precisam ter escolaridade nem experiência, 17 para carreteiros, dez para quem dirige caminhão e três para operadores de betoneira. As remunerações oferecidas variam entre R$ 1.045 e R$ 2,9 mil, mais benefícios.

Sine Fácil

Os interessados em concorrer a qualquer uma das vagas devem ir a uma das 15 agências do trabalhador em funcionamento no DF, ou baixar o  aplicativo Sine Fácil que, em virtude da pandemia de Covid-19, também disponibiliza o serviço.

Empreendedores que desejam buscar profissionais também podem utilizar os serviços das agências do trabalhador. Além do cadastro de vagas, é possível usar os espaços físicos para seleção dos candidatos encaminhados. Para isso, basta acessar o site da Secretaria do Trabalho e preencher o formulário na aba empregador. Com informações da Agência Brasília.

Da redação do Portal do Blog do Carlindo Medeiros