GDF vai apostar em capacitação para aumentar a expectativa de salário de profissionais em diversas áreas | Foto: Agência Brasília

São 925 oportunidades nesta quinta-feira (1º), 100% a mais que há 15 dias. Para ajudar nas recolocações, GDF vai oferecer cursos de capacitação.

Em apenas 15 dias, o número de vagas oferecidas pelas agências do trabalhador praticamente dobrou e bateu um novo recorde no ano: 925 oportunidades de emprego para esta quinta-feira (1º/10). A meta da Secretaria do Trabalho, responsável pelas agências do trabalhador e pela captação das vagas, é multiplicar esses números. Por isso, a pasta reforça o time de servidores em contato com as empresas em busca de novas oportunidades.

Veja aqui a lista de vagas

O secretário do Trabalho, Thales Mendes, explica que o sucesso na oferta de empregos tem sido possível devido a pelo menos três fatores. “Primeiro, o reaquecimento da economia com a permissão para reabertura das empresas; depois, a quantidade de obras do próprio governo e os incentivos oferecidos; e, em terceiro lugar, o trabalho de buscar junto às entidades representativas de cada segmento o acesso às empresas, para que possamos oferecer nossos serviços de agenciamento”, enumera.

Com esse acesso facilitado, servidores da secretaria entram em campo para oferecer os serviços de recursos humanos às empresas. Desta forma, além de ofertar diariamente as oportunidades aos candidatos, as agências do trabalhador têm acesso a um banco de intermediação de vagas, em que estão cadastradas pessoas que deram entrada no seguro desemprego.

“Estamos finalizando estudos para lançar, até o final deste mês, o edital para a aquisição de cerca de 20 mil matrículas para cursos de educação a distância”

Thales Mendes, secretário do Trabalho

“Quando surge uma oportunidade de trabalho, cruzamos as informações neste banco de dados e selecionamos o perfil. Assim, entramos em contato e perguntamos se a pessoa tem interesse em participar do processo seletivo”, esclarece Thales.

A outra via é a pessoa interessada ir até uma das agências para se candidatar a uma das vagas oferecidas. “Geralmente, enviamos três pessoas por vaga ofertadas, para dar a possibilidade de a empresa escolher o candidato mais próximo do que deseja”, acrescenta o secretário.

Capacitação

O quadro de vagas das agências do trabalhador normalmente oferece oportunidades para todos os níveis de escolaridade, para pessoas com ou sem experiência. Porém, os melhores salários costumam ser ofertados para quem tem mais qualificação.

Pensando nisso, o GDF vai investir, agora, em capacitação. O primeiro passo foi o lançamento do programa Renova-DF, que vai oferecer cursos de qualificação com bolsa salarial para mais de 3 mil trabalhadores das áreas de construção civil e jardinagem.

“Estamos finalizando estudos para lançar, até o final deste mês, o edital para a aquisição de cerca de 20 mil matrículas para cursos de educação a distância. Serão ofertados 70 cursos e os beneficiados poderão se inscrever em qualquer um deles, sem limite de participação. Ou seja, se ele conseguir fazer os 70 cursos, poderá se matricular em todos eles”, adianta o secretário do Trabalho.

Thales diz que também serão oferecidas 2 mil vagas de cursos voltados, exclusivamente, para microempresários, empresários e profissionais instalados nas áreas de desenvolvimento econômico do DF (ADEs). A ação será desenvolvida em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e financiada com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). “As empresas foram montadas e precisamos qualificar essas pessoas”, arremata o gestor.

Quadro de vagas

No dia de novo recorde, as 925 vagas estão distribuídas em 68 áreas diferentes. A maior remuneração mensal oferecida é de R$ 2.539, mais benefícios, além daquelas vagas cujo salário é calculado com base na produtividade. É o caso, por exemplo, das vagas destinadas a médico de clínica geral, com oferta de R$ 450 por plantão diário.

A maioria das oportunidades não exige escolaridade ou pede, apenas, o nível fundamental. São 450 vagas, com oferta concentrada em cinco profissões diferentes: açougueiro (59 vagas), tratorista operador de roçadeira (53), motofretista (50), motorista entregador (45), vendedor pracista (34) e bikeboy (30). Para essas áreas os salários variam entre R$ 50 por dia e R$ 1,7 mil mensais, mais benefícios.

Entre as 402 oportunidades que exigem nível médio está a que oferece a melhor remuneração do dia: R$ 2.539,21, mais benefícios, para técnico em eletromecânica. Neste caso são 15 oportunidades. Para concorrer é necessário comprovar experiência.

Há 73 vagas para os profissionais de nível superior nas áreas de contabilidade, administração, direito, marketing, informática, engenharia de telecomunicação, mecatrônica, enfermagem, medicina, análise de sistemas e ciências da computação.

Elas estão distribuídas assim: analista de marketing (30 vagas), administrador de pessoas (10), desenvolvedor web (8), técnico de apoio ao usuário de informática (6), médico clínico geral (6), engenheiro de telecomunicações (6), instrumentador cirúrgico (3), professor de enfermagem (3) e engenheiro civil (1). A maior remuneração é de R$ 2,5 mil, mais benefícios. Cabe destacar que, para algumas dessas áreas, há oportunidade para estudantes desses cursos.

Quem tiver interesse em concorrer a qualquer uma das vagas basta procurar uma das agências do trabalhador, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Em razão da pandemia de Covid-19, 15 das 18 unidades estão fazendo atendimento presencial. Estão fechadas, temporariamente, as agências do Paranoá, do Guará e da Câmara Legislativa. Outra possibilidade é o aplicativo Sine Fácil, que, em virtude da crise sanitária, também disponibiliza o serviço.

Empresas

Empreendedores que desejam buscar profissionais também podem utilizar os serviços das agências do trabalhador. Além do cadastro de vagas é possível usar os espaços físicos para seleção dos candidatos encaminhados.

Para isso, basta acessar o site da Secretaria do Trabalho e preencher o formulário na aba empregador. Com informações da Secretaria do Trabalho DF