Na data de hoje, a 35ª DP/PCDF, apoiada pelo DPC/PCDF, DOA, DOE e ASCOM, desencadeou a operação 12/19, uma alusão às quadras onde gangues ameaçavam se enfrentar, lideradas por um dos presos, este recém saído da prisão e autor de pelo menos 4 homicídios.

Durante a operação 10 indivíduos foram presos, a maioria em flagrante delito por tráfico, porte ilegal de arma de fogo etc.


Uma mulher fora presa em cumprimento de mandado judicial e dois adolescentes apreendidos por tráfico.

Ao todo 12 mandados judiciais foram cumpridos, a maioria de busca e apreensão. Sendo duas armas apreendidas.

Dentre eles quatro são membros da mesma família, do líder do grupo, um homem de 36 anos com vasta ficha criminal, preso hoje por tráfico, também é pai de dois adolescentes infratores, apreendidos por tráfico e organização criminosa, o mesmo homem é tio de um indivíduo maior, hoje preso por tráfico e porte de arma de fogo.


Destaca-se dentre os presos:

1- Uma mulher de 24 anos por se envolver em homicídio tentado, cuja vítimas são Mateus Cardoso e Alan Morais.


2- Um homem de 36 anos, chefe de gangue e líder de uma família de criminosos, preso hoje por tráfico, este com 04 passagens por homicídio, 02 por tráfico, 02 porte de armas, o mesmo recém saído da cadeia, vinha ameaçando vários desafetos.


 3- Um homem de 20 anos, preso por tráfico de cocaína, este já havia sido preso outra ver também por tráfico.

4- Um homem de 40 anos, preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, este vinha praticando roubos a pedestre, já respondeu por tentativa de homicídio contra o próprio irmão.

5- Um homem de 21 anos, preso por porte ilegal de arma de fogo e tráfico. Integrante da gangue liderada pelo tio, sofreu uma tentativa de homicídio recente.

6- Um homem de 24 anos, preso em flagrante por tráfico, integra a gangue liderada pelo tio.

Com os presos foram apreendidos, uma importância aproximada de R$:4.800,00 reais, duas armas de fogo tipo revólver com bastante munição, 20 porções de maconha, 09 porções de cocaína, 19 aparelhos celulares, 01 tablet e 02 porções de crack.


A 35ª DP/PCDF agradece aos valorosos policiais da DOA, DOE ASCOM e DPC/PCDF, pelo importante apoio recebido, assim Sobradinho II sente-se mais segura.

É o incansável e competente delegado titula da 35ª DP, doutor Laércio de Carvalho e suas brilhantes equipes colocando a bandidagem atrás das grandes a disposição da justiça.

Por: Carlindo Medeiros, Jornalista Registro no MTE nº: 0011123/DF. Com informações da 35ª DP.

@carlindomc,

#carlindomc,

https://www.facebook.com/profile.php?id=100009446385009

.