Cerca de 1 mil itens foram distribuídos para famílias atendidas por instituições sociais. A ação foi realizada em parceria com as administrações de Ceilândia e Riacho Fundo I

(Brasília, 15 de julho de 2020)- Crianças, adolescentes e famílias atendidas por instituições sociais de Ceilândia e Sol Nascente foram contempladas com a doação de cobertores, roupas e agasalhos. A ação foi realizada, nesta quarta-feira (15), em parceria com as administrações de Ceilândia e Riacho Fundo I. A iniciativa contou com os servidores dos respectivos órgãos, que também distribuíram máscaras protetoras como uma das medidas contra o coronavírus.
C:\Users\Carlindo\Downloads\20200715_145921.jpg
Todos itens doados foram higienizados e embalados a vácuo e foram distribuídos nas instituições: Lar de São José e a Associação de Amparo a Pessoas com Necessidades Especiais, em Ceilândia Norte, e no Instituto Meninos do Pôr do Sol, localizado no Trecho I, do Sol Nascente. A ação também contou com a presença da administradora do Riacho Fundo I Ana Lúcia.
C:\Users\Carlindo\Downloads\20200715_143450.jpg
O administrador de Ceilândia, Marcelo Piauí, explica que ação social é mais um meio de levar políticas sociais a quem mais precisa. “Sabemos que estamos enfrentando uma grande crise, mas precisamos contornar a situação, buscando levar itens de primeira necessidade a quem mais precisa. Isso só foi possível por meio de doações da população, de alguns empresários e servidores que se mobilizaram para arrecadar os itens ”, ressalta Marcelo Piauí.

C:\Users\Carlindo\Downloads\20200715_151218.jpg

Marcelo Piauí também diz que uma das prioridades da Administração de Ceilândia é promover e desenvolver a parte social da maior região do DF.   “Chegamos à conclusão que, mesmo com um grupo pequeno, é possível dar a nossa colaboração voluntária. A ideia é, além de ajudar nas atividades, é firmar parcerias e trazer voluntários e parceiros em nossas ações e projetos sociais para nossa cidade”, esclarece o administrador.
C:\Users\Carlindo\Downloads\20200715_154535.jpg
Maria de Sousa da Cruz, de 35 anos, foi uma das moradoras do Sol Nascente que ganhou cobertores novos para os três filhos. Desempregada ela diz que a doação chegou na melhor hora. “Estava dividindo um cobertor velho para as três crianças! Entramos em uma época que as noites estão frias demais, mas agora, cada um terá seu próprio cobertor e vão dormir bem mais quentinhos”, diz agradecida a dona de casa.

Fonte:ASCOM - Assessoria de Comunicação da Ceilândia

ascom@ceilandia.df.gov.br, ascom.ceilandia@gmail.com, empautaceilandia@gmail.com