A PCDF, por intermédio da 33ª DP (Santa Maria), prendeu um homem que abordava as vítimas para praticar roubos e estupros. O agressor sexual se aproximava das vítimas a pé, mostrava uma faca, do tipo peixeira, e obrigava as vítimas a acompanha-lo até locais ermos para estupra-las. Além disso, o criminoso aproveitava a oportunidade para subtrair, mediante o emprego de grave ameaça, os pertences pessoais da vítima.

Durante as investigações, foi possível constatar que os estupros não se tratavam de caso isolado, sendo possível identificar um padrão de abordagem criminosa que visava vítimas do sexo feminino. O agressor não utiliza veículos de transporte, utiliza arma branca (faca) e envolvia a vítima com uma espécie de chave (um golpe no pescoço).

Acredita-se que outras mulheres possam ter sido vítimas de estupro praticados pelo mesmo homem.



Divisão de Comunicação/DGPC
#PCDFAgora
#PCDFemAção
PCDF, excelência na investigação