A Polícia Civil do DF, por meio da Coordenação de Repressão às Drogas (CORD), deflagrou duas ações na quinta-feira (23). Trata-se das Operações Araguaia e Ursidae, realizadas com o objetivo de coibir o tráfico de drogas no Distrito Federal.

A primeira ação desarticulou uma organização criminosa especializada no tráfico de drogas interestadual. De acordo com as investigações, a logística do grupo indicava que a cocaína era recebida em chácara situada no Novo Gama/GO. Em seguida, a droga era difundida, também, no Distrito Federal, especialmente em Samambaia.

Três mandados de busca e apreensão foram cumpridos. A diligência resultou na apreensão de 6 kg de cocaína, cerca de R$ 7 mil, em espécie, um veículo, balanças de precisão, munições e um carregador de pistola. Foram localizados, também, máquinas para venda por meio de cartões, celulares e embalagens plásticas. Dois homens foram autuados por tráfico e associação para o tráfico e uma adolescente foi apreendida pela prática de ato infracional.

A Operação Ursidae combateu o tráfico de cocaína no Plano Piloto de Brasília. Os policiais prenderam um homem em flagrante, apreenderam meio quilo de cocaína, uma pistola e cerca de R$ 90 mil.

A droga, em razão da pandemia do Covid - 19, era vendida por meio de delivery a usuários de alto poder aquisitivo. O suspeito foi indiciado por tráfico de drogas e, se condenado, poderá pegar até 15 anos de prisão.

Assessoria de Comunicação/DGPC
#PCDFemAção
PCDF, excelência na investigação