A Polícia Civil do DF, por meio da 16ª DP, deflagrou a Operação Fraus, nos dias 24 e 27 deste mês, após localizar galpão utilizado para ocultar o equivalente a meio milhão de reais em mercadorias oriundas de estelionato. 

No final da última sexta-feira (24), equipe da 16ª DP localizou um galpão no Paranoá utilizado por um criminoso de Planaltina para ocultar diversas mercadorias compradas e não quitadas que eram revendidas para mercados na região norte do Distrito Federal com preço bastante reduzido.

Segundo as vítimas, que foram ao depósito, o valor das mercadorias recuperadas está avaliado em, aproximadamente, R$ 500 mil. O responsável pelo local, de 27 anos, foi preso em flagrante pelo crime de receptação e a mercadoria apreendida foi restituída às vítimas.

Na segunda-feira (27), em continuidade à Operação Fraus, do latim fraude, policiais civis e auditores fiscais do Distrito Federal realizaram ação conjunta em um supermercado de Planaltina, suspeito de comercializar os produtos oriundos do estelionato. O gerente do estabelecimento foi preso em flagrante por receptação qualificada de grande quantidade de produtos ilícitos e foram adotadas providências fiscais administrativas.

Assessoria de Comunicação/DGPC
#PCDFemAção
PCDF, excelência na investigação